Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correr na Cidade

Review: Brooks Glycerin 14

16.09.16 | João Gonçalves

Modelo: Brooks Glycerin 14

Testado por: João Gonçalves

Características pessoais: Neutro com arco plantar proeminente e 76Kg de peso

Condições de teste: Cerca de 250km percorridos em percursos citadinos em Lisboa com pisos de alcatrão, pista, calçada portuguesa e escadarias.

 

 

ADORO!! É isto e está o review feito!

 

IMG_20160915_225348.jpg

 

Estes Brooks Glycerin 14 é daquelas sapatilhas que digo com toda a certeza, se tiverem oportunidade podem comprar um par pois o vosso dinheiro, será muito gasto e terão sapatilhas para muitooo tempo.

Deste que calcei os Glycerin ainda na sua versão anterior a 13, soube deste logo que estas são umas sapatilhas de topo então quando tive a oportunidade de testar a última versão estiquei logo o braço.

 

 

Design/Construção 

 

São bonitas? Certamente não serão as mais sexys do mercado, mas são de uma qualidade a toda a prova.

Na média sola tempos o super DNA da Brooks, que se adapta aos teus pés e à tua passada, estas sapatilhas não cada mais únicas e personalizadas passada após passada. A sola é feita num material super resistente que promete quilómetros e quilómetros sem desgaste, dai estas Glycerin serem um excelente investimento.

Na parte de cima o upper não tem costuras e é super confortável, resistente e acima de tudo suave, quase como uma meia.

 

IMG_20160915_225422 (1).jpg

 

Estabilidade e Aderência 

 

Nada a apontar, estas sapatilhas são feitas para correr e para correr muito durante muito tempo sem comprometer a eficácia.

Com muitos acabamentos em 3D que correm ao longo do eixo da sapatilha promovendo a estabilidade do parte na zona frontal do pé e uns acabamentos em material mais resistentes nas laterais e na zona do calcanhar, que seguram o pé de uma forma sólida mas muito confortável e acima de tudo suave, tudo nestas sapatilhas é suave, apesar de ao primeiro olhar não darem essa ideia.

 

IMG_20160915_225459.jpg

 

Conforto 

 

"Heaven I'm in heaven"


Já vos disse que são suaves... E são mesmo!! 10, 20, 30km e continuam iguais ao primeiro metro, sola apesar da sua espessura é bastante maleável, o super DNA personaliza o sapatilha e depois tudo se encerra num upper de um material primeira qualidade.

Ao vê-las pela primeira vez pensei "Humm! Isto para Verão... Devem ser um bocado quentes" nada mais errado, os pés não acumulam suor e mantêm-se frescos durante muito tempo, muito graças ao mesh utilizado na parte dianteira da sapatilha.

 

 

Amortecimento 

 

Os Glycerin 14 fazem parte da linha "premium ultra-cushioned shoe", são sapatilhas que primam pelo amortecimento e feitas para médias e longas distâncias, portanto se estás a pensar em fazer uma maratona, estas são as sapatilhas que queres ter nos pés nesse dia.

Não têm o amortecimento de umas Hoka Stinson por exemplo, mas têm o amortecimento mais que necessário para que te sintas confortável e reduzindo o impacto do contacto com o solo.

 

IMG_20160915_225542.jpg

 

 

Preço 

 

Não são unas sapatilhas baratas - 130€/140€ - contudo, meus amigos valem todos os cêntimos. Acreditem.

E vão durar e durar.

 

Em resumo, vou acabar como começei.

ADORO!!

 

São talvez das melhores sapatilhas que já calcei, senão a melhor.

 

Calçadas parecem umas sapatilhas de treino normais, com extra amortecimento com a capacidade e fazer grandes distância e sem parecer que estamos com umas sapatilhas com muito amortecimento, como acontece com outras marcas.

 

Brooks. Tiro o meu chapéu - Parabéns!!

Design/Construção 18/20

Estabilidade e Aderência 19/20

Conforto 20/20

Amortecimento 19/20

Preço 17/20

Total 93/100

5 comentários

Comentar post