Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correr na Cidade

Leitura sobre corrida: "Nascidos para Correr"

28.12.14 | Bo Irik

Por Bo Irik:

 

“Nascidos para Correr”, ou “Born to Run” originalmente, embora não seja novidade, é o primeiro livro de corrida que leio. Há vários livros de corrida e alguns já me tinham suscitado o interesse mas como não tenho lido ultimamente, nunca cheguei a comprar (ou pedir emprestado) um. “Nascidos para Correr” foi-me oferecido pelo meu aniversário e, embora ainda tivesse outros livros a meio, comecei a lê-lo logo no próprio dia. Desde então quase todos os dias antes de dormir leio um ou dois capítulos (na cama, com um frontal para iluminar as páginas).

 

Estou a adorar o livro e a melhor parte e que me tem feito sonhar sobre corrida, muitas vezes em trilhos. Durante as próximas semanas, partilharei convosco algumas pessoas e provas mencionadas no livro. O livro faz referência a algumas provas de trail e atletas inspiradores que valem a pena conhecer!

 

Segue uma breve sinopse do livro, retirado da wook.pt:

O mais surpreendente best-seller do ano começa com uma simples pergunta: porque me dói o pé? Christopher McDougall estava de volta ao médico com mais uma lesão. É o início de uma aventura épica. A procura de respostas leva-o a investigar a história de uma tribo lendária, os Tarahumara, refugiada no mais inóspito canyon mexicano - e que ali sobrevivem, há séculos, graças à sua extraordinário capacidade de correr longas distâncias, centenas de quilómetros, sem nunca parar. Com a ajuda de um misterioso corredor, Cavallo Branco, o autor descobre essa misteriosa raça de superatletas, que vivem numa sociedade onde a doença foi praticamente erradicada, e a corrida, a pé descalço, é o segredo de uma vida longa. Em ritmo trepidante, o autor alterna as suas viagens ao México com a história dos cartéis de droga que perseguem os Tarahumara, fala da ciência da corrida, dos lobbis das marcas de desporto - e de como os caríssimos ténis da Nike nos podem provocar as mais graves lesões.

 

E algumas críticas de imprensa:

  • “É um grande livro, uma leitura viciante, uma história incrível. Vocês deviam mesmo ler este livro.” - Jon Stewart, The Daily Show
  • "McDougall's book reminded me of why I love to run." —Bill Rodgers, American marathon legend
  • "A tale so mind-blowing as to be the stuff of legend." —The Denver Post
  • "Fascinating.... Thrilling.... An operatic ode to the joys of running." —The Washington Post

 

Segue um breve vídeo onde McDougall, no TEDxPennQuarter, conta sobre o seu livro e a sua aventura nesta investigação.

 

E tu, também leste este livro? O que achaste? E outros livros de corrida?

 

PS: em janeiro e junho de 2013, o Filipe partilhou umas palavras (críticas) sobre este livro aqui e aqui.

4 comentários

Comentar post