Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Correr na Cidade

Venham correr com(o) um campeão!!!

image.jpg
Por Filipe Gil

 

É hoje, às 19h15 no parque de estacionamento em frente à pastelaria Califa em Benfica que, juntamente com o campeão nacional de ultra trail, Hélder Ferreira, vamos guiar os nossos convidados em mais um treino INTO THE WILD. Entrevistamos o Hélder Ferreira que nos explicou um pouco do seu percurso, dos objectivos futuros e do treino desta quarta-feira. Venham daí, vai ser um treino de campeões.

 

Como começaste a correr?
Comecei no atletismo com 9 anos de idade, já lá vão 30 anos de atletismo com algumas interrupções pelo meio - mas isso são outras histórias! O meu primeiro clube foi o SCOCS (Sport Clube Operário de Cem Soldos), mais tarde ingressei no UFCIT (União Futebol Comércio e Indústria de Tomar), clube que ainda hoje represento. Comecei por experimentar de tudo no atletismo, desde pista à estrada e ao corta mato, mas sempre tive um fascínio e maior vocação para as longas distâncias.

E quando começou a aposta no trail running e nas longas distâncias?
A sério as longas distâncias começaram em 2008 quando fui à Marathon Des Sables no deserto do Sahara. Conforme sabes é considerada a ultra maratona por etapas mais difícil do mundo. São 250km em auto suficiência alimentar onde as temperaturas chegam a ultrapassar os 50ºc. Fiquei classificado em 26º lugar, foi brutal tendo em conta os imensos erros que cometi, sobretudo erros logísticos. Por exemplo, a minha mochila pesava 15kg, dois anos mais tarde ajudei o Carlos Sá a preparar a mesma prova e a mochila dele pesava somente 6,5kg... Só por esta razão terei de lá ir mais uma vez!

O que significa para ti seres campeão nacional de ultra running?
Significa muita coisa, significa muito espírito de sacrifício e dedicação, muito método e organização, muito querer, muita paixão, muita vontade e superação, testar limites. No fundo, foi o resultado de tudo isto que possibilitou que em 2014 e após alguns anos afastado do mundo do trail, me tivesse sagrado campeão nacional!

Quais os próximos desafios. Internacionais e nacionais?
A nível nacional pretendo fazer o circuito de ultra trail e ultra trail endurance não esquecendo que irei tentar também defender o titulo de campeão nacional de ultra trail que conforme sabes será na Madeira. A nível internacional terei o campeonato do mundo em França onde juntamente com outros 3 atletas lusos iremos pela primeira vez representar as cores nacionais no campeonato do mundo.

Como geres o dia-a-dia entre treinos, profissão e família. E que dicas dás aos atletas que querem competir seriamente?
Como disse anteriormente, é fundamental gostarmos muito do trail o que nos leva a fazer muitos sacrifícios a todos os níveis, doutra forma não é possível atingir resultados de relevância. Eu costumo dizer que divido o meu dia a dia em 3 grandes capítulos, a família, o trabalho e o desporto e todos os dias tenho que encontrar tempo para cada um deles. Nem que para isso me levante às 6am com 5h de sono para ir treinar num dia de temporal... Tento ao máximo que cada uma destas 3 actividades não interfiram entre si, nem sempre é fácil mas é possível desde que sejamos organizados, flexíveis e sobretudo que tenhamos muita paixão por tudo aquilo que fazemos. Por último, tenho de referir que a minha mulher é um grande pilar no meio de tudo isto, sem ela tenho a certeza que tudo seria muito mais complicado...

Esta quarta-feira vais partilhar a tua experiência num treino organizado pelo Correr na Cidade. O que podem esperar os participantes?
Terão aquilo que pretenderem, sou uma pessoa simples, directa e prática e todos adoramos aquilo que nos une, neste caso o trail. Quando assim é, todos partilhamos os mesmos gostos e vivências e isso só pode resultar em coisas boas e positivas. Se de alguma forma puder motivar e esclarecer eventuais dúvidas que tenham acerca do trail ou da corrida em geral, então já valeu a pena estarmos juntos!
 
NOTA: este é um treino guiado pelo Correr na Cidade em conjunto com o atleta Hélder Ferriera. O treino é feito em autonomia total não existindo quaisquer tipos de seguros ou assitência média. Os participantes são assim responsáveis por eventuais danos que possam sofrer. Apelamos ao bom senso e que não coloquem a vossa integridade física em risco. No caso de nos cruzarmos com estradas pedimos que se regulem pelo código da estrada e observem bem antes de as atravessar.

É obrigatório o uso de frontais, levem sapatilhas de trail, roupa refletora e no caso de estar chover aconselhamos corta-vento ou impermeável. Outro item extremamente indispensável: boa disposição! Esperamos por vós.

10366185_728408160573851_7358398880398145835_n.jpg

 




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Actividade no Strava

Somos Parceiros



Os nossos treinos têm o apoio:



Logo_Vimeiro

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D