Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correr na Cidade

Os suplementos alimentares surpresa - Overstim.s!

IMG_20180518_212110.jpg

Aposto que, ao verem a imagem anterior, disseram: um bolo? O que é isto?

 

É isso mesmo, um bolo! Mas já lá vamos. Esta é a continuação do artigo que saiu no dia 15 deste mês, onde eu dei a conhecer uma marca de suplementos alimentares franceses que já está no nosso mercado. Os primeiros produtos que experimentei tiveram uma avaliação positiva, principalmente o isotónico que gostei bastante. E agora vou falar um pouco sobre os outros produtos que experimentei.

 

Mais uma vez digo que esta é a minha opinião profissional e pessoal sobre estes produtos e que vocês podem gostar ou não. É uma questão de experimentarem.

 

Barras e barritas

Se há "categoria" onde sou mais esquisita é nas barras. Grande parte delas estão cheias de açúcar, aditivos e ingredientes de má qualidade. Quando vi a Barre Bio ou barra ecológica, fiquei um pouco desconfiada. Ao ler o rótulo, a percentagem de banana é de 49%  e a de tâmaras é de 49%. Pareceu-me estranho porque não estou habituada a ver uma percentagem tão elevada de alimentos naturais numa barra (e olhem que passam muitas barras pelas minhas mãos). Então e a que correspondem os 2% que faltam? Farinha de arroz e vitamina B1 (tiamina). Interessante...

A marca ainda garante que os ingredientes usados são provenientes da agricultura biológica (uma salva de palmas). 

IMG_20180514_190628.jpg

 Quanto à textura, dou nota 20 porque não é nem demasiado mole nem demasiado dura. Tem a consistência perfeita. E o sabor é mesmo muito bom, sabe mesmo a uma barrita daquelas que fazemos em casa. 

Esta barra também não tem glúten nem lactose, o que a torna mais fácil de digerir. 

Então e quando é que a podemos comer? Tendo em conta a consistência e a porção de açúcares (13g), eu recomendaria comer esta barra durante um treino ou mesmo uma prova mais exigente. Mas recomendaria apenas 2 barras nestes eventos, pois como é mais rica em frutose, pode causar algumas perturbações intestinais.

IMG_20180514_190557.jpg

E agora passamos para outra baaaaarra (é maior e mais pesada que a anterior e, por isso, os meus "a" a mais). A que experimentei é de frutos vermelhos, mas ainda existem as opções de banana-avelãs-amêndoas e sabor a chocolate e amendoins. 

Esta barra já tem mais ingredientes que a anterior, passando a ser mais indicada para as refeições pós treino ou mesmo durante o treino (consumida em pequenas porções). O sabor é bastante agradável e tem uma consistência mais firme que a anterior. Mas garanto uma coisa: não ficam com fome depois de comer esta barra! 

Um ponto que destaco, e já tinha feito noutros produtos no artigo anteiror, é que esta barra tem uma boa percentagem de zinco (tendo em conta outras barras), um mineral que reduz os efeitos do stress oxidativo que acontece durante os treinos. 

 

E agora, a surpresa!

IMG_20180514_190830.jpg

Quando estava a ler o rótulo deste produto, fiquei um pouco assustada com a referência a 500 Kcal por porção. Mas a marca considera 215g de produto já feito como porção (1/3 do bolo final). Eu considerei a porção como metade deste valor, pois o bolo deu para 6 porções. Cada porção que experimentei correspondia a 273,5g, com 26g de açúcares, 2,45g de gorduras, 4,55g de proteínas e 2,1g de fibras. 

Para quem não percebe muito sobre nutrição, isto parece mandarim, mas posso dizer que este bolo é uma boa opção para um pré-treino de longa duração ou mesmo entre competições, muito fácil de preparar (só temos de adicionar água, mexer e levar ao forno ou microondas). Claro que, no limite, recomendaria o valor da porção considerada pela marca, mas pode ser uma opção diferente do habitual. 

IMG_20180518_205423.jpg

 O sabor é a chocolate ligeiro, não sabe muito a doce e tem uma consistência muito fofa.  Quando juntamos a água e mexemos, fica com o aspecto duma mousse de chocolate.

Segundo as informações do rótulo e que já vi que é uma preocupação desta marca de suplementos, é que não tem glúten, nem conservantes, nem óleo de palma (sim, infelizmente existem muitos suplementos com óleo de palma). Outra referência no rótulo é que este produto está conforme a norma AFNOR NF V94-001, isto é, está de acordo com a regulamentação anti-dopagem, podendo ser utilizada por atletas profissionais e sujeitos a um controlo anti-doping regular.

IMG_20180518_211704.jpg

 Depois de ter experimentado estes produtos e de ter consultado o site da Overstim.s, fiquei curiosa  para conhecer melhor a marca, por ter o cuidado de selecionar ingredientes de boa qualidade para os seus produtos e por serem muito práticos para quem pratica atividades que envolvam a corrida. 

E digam lá que o bolo não ficou com bom aspecto!? (por cima adicionei um pouco de flocos de coco)

Boas corridas!

 

  

 

  

Desafios na corrida: anemia parte II

IMG_20170816_194308.jpgA vida de "atleta" não é um mar de rosas. Cada corredor passa por fases. Fases em que nos sentimos fit, super motivados e batemos PBT após PBT e fases mais difíceis. Segue a "parte II" dos meus desafios na corrida. A parte I partilhei no verão de 2016 aqui.

 

Já partilhei aqui no blog que sofria de anemia várias vezes. Foi no final de 2015 que descobri que sofria de anemia pela primeira vez (podem ler neste post). Foram o cansaço extremo e dificuldades respiratórias que na altura me fizeram ir ao médico. Rapidamente comecei a tomar suplementação de ferro. No entanto, o médico na altura, não fez análises profundas de forma a analisar qual a origem do problema. Seria falta de absorção ou falta de ingestão?

 

Desde então tenho vindo a ter cuidado com a alimentação e o descanso. Entretanto cheguei a fazer muitas análises mas continua difícil encontrar o porquê da anemia. Em Maio deste ano fiz análises e estava tudo perfeito enquanto treinava bastante, não comia carne nem peixe e não tomava suplementação. Por isso, o problema não parece ser falta de ingestão de ferro.

23434905_10214705334209658_2156210667076368477_n.j

Foi no final de Outubro que me voltei a sentir extremamente cansada. Seria exastão devido a um verão de muuuuito trabalho ou a anemia? Ou os dois? Não, não é do excesso de treinos, pois tenho treinado pouco. Só um pouco de RPM, yoga e treinos guiados com turistas no âmbito do meu projeto Run in Portugal. Ainda participei no Duratrail que até nem correu mal mas, nos Trilhos dos Casaínhos, senti-me muito fraca e como fui a puxar, passei um mau bocado na tarde pós prova. (Sim, eu sei, nem devia ter ido, mas sou viciada nisto!)

WhatsApp Image 2017-11-17 at 12.15.35.jpeg

Falei com a minha nutricionista e amiga, Ana Sofia Guerra que me sugeriu logo consultar um médico para fazer análises. Ela fez-me uma lista de ítens que deveriam ser analisados, nomeadamente: hemograma e leucograma normal, ferro sérico, magnésio, ferritina, transferrina, vitamina D, vitamina B12, ácido úrico, entre outros. Mal obtive os resultados das análises, enviei-os à Ana e sim, estou outra vez com uma maldita anemia. Comecei então a tomar suplementação de ferro e de um complexo de vitamina B conforme a Ana me sugeriu. Neste artigo, a Ana fala dos diferentes tipos de suplementação que podem ser interessantes para corredores.
 
A ver se com estas dicas e alguns cuidados adicionais na alimentação e muito descanso, recupero rápido. Há por aí mais alguém com este desafio? Como lidam com a situação?
 
PS. Se quiserem saber mais sobre a anemia, leiam este meu post.

POLASE - suplementar com sais minerais é importante?

IMG_8409.jpg

É certo e sabido que, com o tempo mais quente, todos nós precisamos de aumentar a ingestão de água ao longo do dia de forma a evitar a desidratação. Contudo, a água não é o único elemento que precisa de ser ingerido. Também é necessária a ingestão de sais minerais que auxiliem na manutenção desse equilíbrio eletrolítico.

No caso dos corredores (amadores e profissionais) que treinem expostos a temperaturas mais elevadas, a suplementação com sais minerais é uma grande mais valia. Foi por esta razão que, tendo em conta que ia recomeçar os meus treinos de corrida no mês de agosto, decidi experimentar o Polase.

Este suplemento contém dois minerais importantes o magnésio e o potássio. O magnésio é um mineral que ajuda a reduzir o cansaço, contribui para o normal funcionamento muscular e para o equilíbrio dos eletrólitos. O potássio ajuda no normal funcionamento do sistema nervoso e muscular. Em conjunto, estes minerais são muito importantes para o bem-estar do nosso organismo.

No entanto, a suplementação nestes minerais não é só necessária aos atletas: pessoas que estejam sujeitas a um estilo de vida mais intenso, que trabalhem ao ar livre, que tenham uma alimentação desequilibrada, também poderão beneficiar de suplementação destes dois minerais.

Quanto à minha experiência com o Polase: durante 2 semanas tomei 1 saqueta por dia num copo com 250 ml de água; tem um sabor agradável a laranja e dissolve-se bem. O que mais me agradou é que não tem açúcar e é adequado a quem tenha intolerância ao glúten (é isento de glúten).

Quanto à diferença que senti durante a toma deste suplemento, esta foi mais notória a nível da recuperação para o treino seguinte pois não senti um cansaço tão grande como costuma acontecer quando começo a treinar depois dum período sem treinos.

É importante referir que a melhor altura para tomar este suplemento é logo após o treino e afastada da ingestão de leite, chá, café e álcool (impedem a absorção dos minerais).

Suplemento alimentar NANO H2 VITA

NanoHydro.jpg

Nós no Correr na Cidade somos abertos à inovação. Andamos sempre à procura de novas sapatilhas, novas mochilas, novas provas e naturalmente, novos suplementos. Somos curiosos por natureza e gostamos sempre de experimentar coisas novas e diferentes.

A NanoHydro enviou-nos uma amostra do seu produto NANO H2 VITA que é um suplemento alimentar à base de hidrogénio molecular, que aumenta a nossa energia e diminui os níveis de stress.

nanohydro_2.jpg

 


Este suplemento é um pó efervescente otimizado para a produção de hidrogénio molecular produzindo um potente antioxidante natural. Contém vitamina C, um complexo mineral de cálcio e magnésio, e muitas outras propriedades incríveis para situações de desgaste físico e mental! Ao neutralizar o stress celular de forma natural, o Nano H2 Vita combate a fadiga e produz um efeito de leveza, aumentando a acuidade mental, determinante em situações de esforço físico elevado e até de stress laboral. Este produto potencia algo que naturalmente o nosso corpo já produz: o hidrogénio molecular, que nos faz sentir mais fortes e capazes de enfrentar as loucuras do nosso dia-a-dia!

 

nanohydro_3.jpg

 

Estamos a experimentar o produto e dentro de alguns dias vamos dar o nosso feedback completo.
Entretanto podem ver mais informação no site em PT


Bons treinos :)

 

 

 

Suplementos Alimentares: uma necessidade ou uma opção?

vitaminsglass.jpg

 

Os suplementos alimentares invadiram (literalmente) o mundo do desporto e não só. São cada vez mais as pessoas que optam por tomar suplementos alimentares para um sem número de finalidades: para aumentar a performance desportiva, emagrecer, melhorar a memória, descansar melhor, reduzir o apetite…etc.

Mas a pergunta mais intrigante é: será que os suplementos alimentares são assim tão importantes? Será que são eficazes? E a minha resposta é: depende! Eu explico melhor.

 

 

6 Suplementos... Dezenas de benefícios

Por João Gonçalves:

 

És a favor ou contra a toma de suplementos?

 

Este é sempre um tema polémico e há inúmeras razões válidas do lado do sim, outras tantas do lado do não, contudo vou dar-te a minha opinião e partilhar meia dúzia de suplementos mais básicos que contribuem para uma melhor performance.

 

IMG_20150720_123557.jpg 

Sou a favor mas...

 

Há sempre um mas... e antes de começar quero apenas esclarecer um tema muito simples, que todos devemos ter em mente antes de começar a suplementar - a principal fonte de nutritentes do nosso corpo deve partir sempre da nossa alimentação - somente de tivermos um estilo de vida muito activo e acharmos que temos algum "gap" devemos usar este tipo de produtos.

Esclarecidos? Mais uma vez nenhum suplemento substitui uma alimentação saudável e equilibrada.

 

Seguindo em frente...

 

Vou dar apresentar aqui um panorama geral, mais  básico sobre alguns suplementos que podem ajudar a melhorar a performance sem no entanto serem "agressivos" (se é que me entendem) para o corpo e que pessoalmente tomo ou já tomei para culmatar alguma falha.

 

Omega 3

Na minha opinião este é um dos básicos e talvez dos mais importantes, pois os efeitos benéficos são imensos e vão deste a redução dos níveis de colesterol e triglicerídeos, redução da pressão arterial e o mais importante na minha opinião para quem pratica desporto é o facto de contribuir para a redução da inflamação, é verdade que o podemos ingerir de forma natural, a forma mais comum é através do consumo de peixes gordos, mas façam este exercício comigo - Quantas vezes comem este tipo de peixes por semana? 3 ou 4 vezes, pois se calhar não...

 

Muti-vitaminico 

Os multivitamínicos contêm uma mistura de micronutrientes essenciais para o bom funcionamento do organismo... Mas é mesmo fundamental? Se tiveres uma alimentação totalmente perfeita, um multivitaminico não te irá trazer muitos benefícios, contudo e penso que para muitos de nós este cuidado com a alimentação não é levado a este ponto, principalmente na ingestão de frutas e vegetais, assim desta forma um bom multivitaminoco é sempre um bom aliado.

 

Proteína Whey

O que é isto? É provavelmente a rainha dos suplementos... Whey ou proteína de soro de leite, é um subproduto da produção de leite de alto valor biológico, facilmente absorvido pelo corpo, com a vantagem que este tipo de proteína tem uma alta tolerabilidade, mesmo em pessoas mais sensíveis, contribui para o aumento e manutenção da massa muscular magra, equilibrando algumas deficiências nutricionais de aminoácidos e mineraris essenciais, contribuindo para acelerar a regeneração após a actividade física reduzindo os sintomas de overtraining. Contudo devo alertar que um consumo elevado de proteína em pessoas com problemas renais não é aconselhável, pessoalmente utilizo um rácio de 1 grama por cada 1/2 kg de peso corporal, portanto tenham por favor atenção a este tema.

 

ZMA

Quantos de nós é que já não dissemos - Estou a precisar de dormir melhor? 

ZMA, é uma combinação de Zinco, Magnésio e vitamina B6, para além de muitos benefícios relacionados, entre outras, com a recuperação muscular, redução de caimbras e das tensões musculares, o principal ponto a favor deste suplemento é ajudar na qualidade do sono pois promove um relaxamento do corpo durante esta actividade, o que irá proporcionar uma melhor recuperação muscular.

 

Glucosamina e Condraina

Estes dois elementos fazem parte da estrutura das nossas articulações (tendões, ligamentos, cartilagens e no fluído que as rodeia) pelo que a suplementação destes reforça todas estas estruturas e previne a sua degradação.

Promove a redução do inchaço nas articulações e diminuição de dor em caso de lesão aumentando a capacidade do corpo restaurar a cartilagem e melhorar a flexibilidade das articulações.

 

L-Carnitina

Como em muitos outroscasos, o nosso corpo tem a capacidade de produzir este aminoacido a partir de outros, contudo para quem pratica desporto, um empurrão através de uma suplementação adequada irá trazer alguns e bons benefícios. A L-Carnitina desempenha um papel importante no metabolismo da gordura, uma vez que faz o transporte dos ácidos gordos para o sitio exacto onde é produzida a energia que utilizamos, contribuindo assim para uma melhor combustão da gordura e devido a este facto, a um aumento da produção da energia, levando a uma melhor performance e uma poupança do glicogénio muscular uma vez que o este tem energia disponível de uma forma mais efectiva.

 

 

Estes são são alguns de suplementos mais básicos, existem muitos outros, que podemos abordar num outro artigo caso haja esse interesse, contudo o mais importante a ter em mente, e não me canso de dizer isto, é que uma alimentação equilibrada, descanso e treino é de facto o essencial e é isso que traz benefícios, contudo, caso a componente treino seja bastante grande convém efectuar alguma suplementação, mas lá está, esta tem de ser merecida. Gastem o vosso dinheiro com prudência, actualmente existem muitas marcas e disponíveis no mercado, por isso, não vou falar acerca da toma, pois esta varia um pouco de marca para marca.

 

Este é o meu kit de sobrevivência, qual é o vosso?

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Actividade no Strava

Somos Parceiros



Os nossos treinos têm o apoio:



Logo_Vimeiro

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D