Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correr na Cidade

Gel Energético com Cafeína Myprotein

 

 

20150426_181032921_iOS.jpg 

Por Ana Sofia Guerra:

 

Em Novembro do ano passado tive a oportunidade de experimentar o gel Ener:gel da Myprotein. Como a apreciação global foi positiva, fiquei com alguma curiosidade em experimentar outra variante deste gel: com cafeína.

 

Apesar de muitos corredores não gostarem de ingerir géis durante a corrida, pessoalmente, gosto! Mas confesso que já estou um pouco mais exigente nas escolhas que faço em relação à suplementação que levo para as provas de trail.

 

Escolhi experimentar o Ener:gel Plus Caffeine durante o trail de 27k em Bucelas, mais propriamente nos últimos 7k da prova. Nesta fase, o nosso corpo já não tem a força que tinha no início da corrida e não só precisa de energia rápida (açúcares simples), como de sais minerais, água e algo mais que dê uma espécie de “boost” para terminar a prova. E, neste caso, o Ener:gel Plus Caffeine deu! As 50mg de cafeína presentes na saqueta de 70ml de gel (praticamente a mesma quantidade de cafeína que ingerimos quando bebemos um café expresso) foram suficientes para sentir um impulso extra.

 

Tal como escrevi no artigo anterior, uma das características que mais gostei neste gel foi o facto de ser pouco espesso, permitindo uma melhor digestibilidade e disponibilidade na absorção dos nutrientes presentes no gel. Volto a referir que, mesmo sendo este um gel mais líquido, deve ser ingerido devagar e sempre acompanhado com água.

 

No que respeita à sua composição, tal como a versão sem cafeína, a quantidade de calorias e hidratos de carbono é semelhante (101 Kcal e 25g de hidratos de carbono por saqueta de 70ml), mas tem um pouco mais de sódio (80mg). Em relação ao sabor, esta versão do gel só tem disponível o sabor a groselha, o que achei agradável e nada enjoativo.

 

Quanto ao preço, está de acordo com o preço de mercado de outros géis, mas tem a vantagem de ter mais quantidade por saqueta (70g em vez de 40g em géis de outras marcas).

 

Em relação à adição de cafeína nos géis, é importante referir que este consumo tem de ser moderado. Não se deve levar só géis com cafeína para uma prova de trail. A cafeína dá (por vezes) o impulso que precisamos numa prova mas, também, pode causar alterações na frequência cardíaca e aumentar o grau de desidratação (a adição de maior quantidade de sódio neste gel pode ajudar a contrariar este efeito). Por isso, estes géis devem ser consumidos moderadamente.

20150426_181057431_iOS.jpg

Como nota final volto a referir que o site da marca precisa e tem tudo a ganhar com uma tradução mais correta (melhor informação para o consumidor), mas gosto do facto de terem feito referência às contraindicações: alerta para a presença e quantidade de cafeína no gel e o facto de não ser recomendado a crianças, grávidas ou mulheres a amamentar.  

 
Boas corridas!

1ª impressão Kayano 20: demasiadas expectativas

ASICS Kayano 20_1

Por Filipe Gil


Confesso que esta não é bem uma primeira impressão, mas sim umas primeiras impressões. Os meus Kayano levam já 50 Km de corridas. Parece que este modelo está “enguiçado”. Primeiro porque desde que fiz o unboxing até agora já se passaram mais de seis meses. A questão é que, como sempre, fiz o unboxing antes de calçar as sapatilhas e só depois verifiquei que o modelo me estava grande.

 

Foi para a ASICS que prontamente indicou que os trocava Só que a casa mãe demorou uma eternidade a enviar o mesmo modelo, no número correcto, para Lisboa. Mas a espera valeu a pena, porque para alem destes Kayano 20 ofereceram-me, pela demora, uns Asics Super J33 que aqui escrevi a review.

 

A esta altura estão a pensar, se recebeste os ténis na mesma altura, porque só agora escreves sobre os Kayano 20? É fácil. Andei a guardá-los para treinar distâncias maiores. Não me saem da cabeça que serão os ténis com que me irei estrear na Maratona – a acontecer, porque isso já é outra conversa.

 

Então, tenho andado a poupá-los. Ou a utilizá-los em treinos acima dos 15K. Como em estrada tem sido raro treinar esta distância, não tenho conseguido correr/escrever sobre eles.

 

Mas, agora, com 50 km nas pés, posso adiantar algumas ideias: são muito confortáveis, são extremamente bem feitos (as cozeduras, os pontos de encaixe dos atacadores, o gel, etc), tudo muito bem feito. É, como alguém me disse o Rolls Royce da corrida.

 

ASICS Kayano 20_2

Com um senão. Certamente que quando nos sentamos num veículo daqueles sentimos logo uma diferença para com os restantes automóveis, diferença essa que , quer quando começamos a conduzir.

 

Confesso que não senti grande diferenças entre calçar e correr nos Kayano em comparação a outros (bons) modelos de outras marcas. Nem melhores nem piores. Talvez as minhas expectativas fossem muito elevadas e no fundo, tratam-se de apenas...umas sapatilhas para correr.

 

São extremamente bonitos, pelo menos este modelo em encarnado. São muito confortáveis e continuo com a ideia de que, provavelmente, farei a Maratona (quem sabe em 2015) com eles?

 

Até por uma grande razão, que só notei ao fim destes 50Km, o seu conforto não muda ao fim dos 15/20km.

 

Passo a explicar, não sei se vos acontece o mesmo, mas as minhas sapatilhas de corrida em estrada, quase todas elas, mudam o comportamento a partir do km 15, mais coisa menos coisa.

 

É quando me começam a fazer bolhas, a irritar-me, é quando começo a sentir algumas das linhas que têm na sola me incomodam. Até aos 10/12Km é um passeio no parque. Depois é que se separam as boas sapatilhas das más. As Kayano 20, apesar de não me terem enchido as medidas, parecem-me boas. A ver vamos, ou melhor a correr, vamos!

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Actividade no Strava

Somos Parceiros



Os nossos treinos têm o apoio:



Logo_Vimeiro

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D