Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correr na Cidade

Review: Adidas Revenergy Boost – Excelentes para treinar e recuperar

Por Tiago Portugal:

 

Assim que soube que ia testar os Adidas Revenergy Boost fiquei entusiasmado pois ia correr pela primeira vez, finalmente, com sapatos desta marca alemã. Apesar de ser uma das marcas preferidas dos corredores portugueses ainda não tinha tido a oportunidade de correr com nenhuns.

 

Após cinco treinos feitos e mais de 60km já consigo dar uma opinião inicial, e fiquei bastante surpreendido com algumas das características. 

 

Estes ténis dispõem de uma combinação de tecnologia Boost na sola, favorece o impulso e um retorno de energia, e EVA numa proporção de 20-80% respetivamente. Apesar de não ter tanta sola em Boost, como alguns modelos de gama mais alta, sente-se que os sapatos são reativos e tem grande amortecimento. A tecnologia  Boost, em branco na sola do sapato, está presente no calcanhar e na zona média do pé o que permite um maior amortecimento, especialmente aos corredores que tocam primeiro com o calcanhar no chão.  

 

 

O sistema Torsion permite maior dinamismo e flexibilidade ao longo de todo o sapato e tornam os Adidas Revenergy nuns ténis com estabilidade, ideais para passadas neutras ou com leve pronação. 

 

Depois do choque inicial que a tecnologia Boost dá ao fim do 2º treino já estava fã das sensações que sentia no pé depois de cada passada. 

Esteticamente os ténis estão muito bem conseguidos, calhou-me o modelo preto com sola em laranja, suficientemente sóbrio para poder ser usado no dia-a-dia. O sapato pesa cerca de 300gr e apesar de achar que calçando, normalmente, o número 43, o 42 e 2/3 ia ficar-me pequeno, no entanto o tamanho é o ideal. Em termos de conforto achei os ténis simplesmente espectaculares desde o 1º instante. Os sapatos apoiam ao longo de todo o pé e tem espaço suficiente para os meus dedos do pé. Os ténis têm uma malha micro perfurada que ajudam a evaporar o calor e o suor o que nesta altura de calor é uma mais-valia.  

 

 

O drop dos ténis é de 10mm, entre os 8mm e os 12mm é a minha zona de conforto.  Este modelo é essencialmente para treinos a um ritmo médio de 4:30-5:30 min/km e distancias moderadas, até 15 km.

 

São neste momento os meus eleitos para treinos de recuperação, até 1h-1h30 de duração, e acho que pelo preço de venda ao público apresentado (atualmente custam 57,45 euros em promoção na Sport Zone) são uma boa escolha para corredores neutros ou pronadores ligeiros que procuram um sapato para fazer 3-4 treinos por semana, a um ritmo moderado e até 15 km.    

 

Boas corridas.

 

 

1 comentário

Comentar post

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Actividade no Strava

Somos Parceiros



Os nossos treinos têm o apoio:



Logo_Vimeiro

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D