Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correr na Cidade

Night Run: Muita Parra e pouca uva (Parte 2) - race report

20131020-024342.jpgPor Filipe Gil:Desde domingo que Internet está a ser inundada com declarações e partilhas a falar mal da Night Run. Os dois temas mais recorrentes foram a falha dos resultados oficiais, pelo menos até ao momento, e na falha na publicação dos resultados provisórios (como exemplo o meu dorsal aparece com o nome de outra pessoa, o da minha mulher diz que é corredor não identificado…).Há ainda a queixa de abastecimento de água para os corredores mais atrasados, mas penso que esta queixa será exagerada. Não vou entrar na mesma onda de falar mal por falar – e como nós portugueses adoramos destruir o que os outros com mais ou menos esforço fazem. Basta fazerem “o teste” do Facebook. Digam bem de uma coisa e vão ver os escassos likes e partilhas, digam mal e batem recordes num par de horas.Falando da corrida, a minha opinião é que esta foi banal para a promessa que a organização fez mas, para quem quis correr, como eu, foi uma corrida normal e agradável de fazer. Os km’s estavam um pouco mal marcados, sim estavam! Mas todos nós, cromos da corrida, ou vamos de smartphones com aplicações a indicar-nos a distância ou temos relógios GPS no pulso. Não é por isso que não se corre. E não foi, certamente a primeira prova em que isso aconteceu. Havia falta de água? Acho que não. Vi dois abastecimentos quando a maioria das provas de 10K tem apenas um. Ouvi dizer que os concorrentes mais atrasados já não tinham água, isso certamente deve ser revisto pela organização, mas já vi provas bem piores na área de abastecimento. Então o que falhou? E aqui há que ser sincero: a organização prometeu um das corridas mais entusiasmantes dos últimos tempos, uma festa com música, uma prova marcante. E isso, sinceramente, não aconteceu. E talvez aí quem pagou os 15 euros de inscrição tenha ficado um pouco triste, para não utilizar outras palavras... O melhor da Night Run foi mesmo a corrida – o que para mim é o ideal já que não sou muito adepto de festanças e eventos que usam a corrida para fazer outras coisas (mas isso sou eu). A organização também prometeu ofertas no saco que se entregam no final que não foram concretizadas. E todos sabemos que em cada português há um fervoroso caça brindes do que quer que seja. Felizmente não sou desses. No final só preciso de água, da respetiva medalha (muito pequena, por sinal) e com sorte bebida isotónica.O que mais estranhei foi a organização do recinto. Não percebi onde era a acreditação de imprensa, não percebi o que certos espaços estavam lá a fazer, já que estavam mal iluminados. Vi gente a carregar latas e latas da bebida Monster – que no final faltou – antes da prova e as casas de banho eram poucas. Mas para mim a grande falha foi a entrada nos currais antes da prova. Uma grande, grande confusão.Ora, em resumo, o que me parece é que isto da organização das corridas não é para todos e não é nada fácil de organizar. Quem não corre frequentemente não tem sensibilidade para fazer uma prova com poucas falhas na organização. Pareceu-me, e até posso estar errado, que os organizadores perceberem que isto da corrida está a dar dinheiro e decidiram comprar o “franchising” da Night Run sem pensar muito no assunto. E, ou foram mal aconselhados, ou não quiseram ouvir os conselhos dos consultores especializados em corrida (que espero terem recorrido). Ou se calhar isto tudo é uma grande injustiça e a organização fez os trabalhos de casa e teve um grande azar. Mas acredito pouco em azar.Podia ser melhor, sim podia. Foi a pior prova realizada em Lisboa, não! Longe disso. E para o ano vou lá estar. Provavelmente sim, porque me diverti e muito com os meus amigos. À organização, boa sorte com as próximas corridas e oiçam mais os “loucos” das corridas e menos os organizadores de eventos (com sorte ainda arranjam quer perceba dos dois…) 

3 comentários

Comentar post

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Actividade no Strava

Somos Parceiros



Os nossos treinos têm o apoio:



Logo_Vimeiro

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D