Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Correr na Cidade

“Lisboa em Alta”: foi altamente!

Por Liliana Moreira e Andreia Fernandes:

 

No dia 9 de Outubro, quinta-feira passada, mesmo sob chuva intensa deu-se mais um dos nossos treinos semanais com o tema “Lisboa em Alta”, num percurso surpresa que se iniciou perto da Quinta das Conchas, Lumiar. Pedimos o relato do mesmo a uma das mais recentes presenças assíduas dos nossos treinos, a Andreia Fernandes:

“Foi passado dia 9 de Outubro que se realizou mais um treino organizado pelo grupo Correr na Cidade. Confesso que fiquei muito surpreendida e contente quando me abordaram para falar desta minha experiência e sobre esta atividade.

Milhentas ideias surgiram ao mesmo tempo antes de começar a escrever. Como descrever todos estes acontecimentos que têm surgido? Afinal de contas ainda não fez um mês que a corrida surgiu na minha vida e a mudou para algo muito melhor. Se hoje corro como corro muito o devo à motivação e ajuda prestada por esta grande equipa.

Deste modo, na passada quinta-feira, aconteceu mais um dos nossos treinos semanais, desta vez, organizado pela Bo Irik e pela Liliana Moreira. Quinta das Conchas foi o cenário escolhido para esta nossa aventura. O que nos esperava seria um percurso surpresa e uma nova experiência pelo menos para mim...correr à chuva! Foi nesta altura que senti o meu maior receio em relação a este treino, estávamos a ouvir o briefing e a fazer os exercícios de aquecimento, quando começou a chover...uma chuva que prometia não nos abandonar mais...!

Nesse momento a minha cabeça foi invadida por pensamentos tais como: a possibilidade de ficar doente; de poder escorregar; de algo poder correr mal; contudo, agarramos em todas as forças e lá fomos nós! À medida que íamos avançando ao longo do percurso melhor me sentia, aquela chuva refresca o corpo e a alma (acreditem, parece de loucos - eu também o achava- mas é um sentimento que só se obtém vivenciando).

No geral percorremos um trajeto quase todo ele plano, em que experienciamos todo o tipo de pisos, desde treino em estrada, trail e até uma novidade: o fato de podermos dar umas voltas na Pista de Atletismo Municipal Prof. Moniz Pereira! O sentimento que nos invadiu ao pisarmos aquele bocadinho de piso foi incrível.

1.jpg

Após esta experiência, fomos circulando ao longo da cidade até chegarmos à Quinta dos Lilases e, aí sim, deparamo-nos com um ambiente menos iluminado, repleto de natureza no seu estado puro, foi um misto de sentimentos neste momento.

 

Fomos descobrindo os aromas a eucalipto, o terreno térreo, as áreas repletas de escuridão que iam sendo invadidas apenas pelos nossos frontais. Houve um momento em que olhei para trás e vi uma imagem linda, pois, no meio do jardim só se viam pequenas luzinhas (semelhantes a pirilampos) num efeito brilhante causado pelos nossos frontais...acreditem que é incrível como dentro da cidade se podem experienciar estes momentos...pareceu que o mundo parou por momentos e deu para nos abstrairmos que nas ruas ao nosso lado ia ocorrendo a loucura e euforia do dia-a-dia.

 

2.jpg

Durante o treino o ambiente foi (e é sempre!) de uma alegria geral! As conversas vão surgindo, as piadas que se contam, a força que se transmite uns aos outros é qualquer coisa mística. Este é um momento em estamos todos a rumar pelo mesmo, não há competições, não há ninguém melhor que ninguém, somos todos iguais, pessoas que se juntam com o mesmo fim...correr para se divertir e para serem felizes.

Quando chegamos à nossa "meta", senti-me muito feliz, consegui vencer um dos meus medos - correr à chuva. A alegria entre nós é geral. O treino acaba com rostos sorridentes de satisfação e alguma superação e com olhos brilhantes a pensar no próximo treino. Este foi sem dúvida mais um evento bem organizado e muito bem-sucedido.

3.jpg

Não foi fácil ter chegado até aqui, foi uma opção complicada de tomar. Por vezes, surgem muitas desculpas até conseguir iniciar, mas garanto que a satisfação é garantida. Se houver alguém desse lado que esteja como eu estive antes de começar, espero que este texto sirva para encorajar a dar o primeiro passo, porque o segundo e os seguintes serão dados com a ajuda desta equipa maravilhosa.

 

Um dos pontos que me fascina neste grupo é o fato de haver tamanha generosidade por parte dos membros que o compõem, pois, dispendem tempo das suas vidas para organizar estes treinos sem ganhar nada em troca - no meu ponto de vista este também é um tipo de solidariedade - o fazer algo por alguém, seja aquilo que for, até porque quando podemos dar algo de nós estamos sempre a ajudar os demais.

Obrigada Correr na Cidade por este treino, por todos os que já passaram e os que estão por vir. Por toda a força, por toda a ajuda e por toda a motivação. Que venha o próximo treino, pois, cá estarei com este sorriso e alegria.”

 

Nota final por Liliana Moreira:

 

A ideia de passarmos por esta pista baseou-se apenas numa única premissa, expormos alguns dos nossos amigos a este tipo de piso e instalações, já que nem todos fazemos treino específico do ponto de vista da técnica de corrida. Além disso, no âmbito do atletismo, é um ponto de interesse relevante da zona geográfica que estávamos a explorar neste treino e que decerto muitos desconheciam.

 

Assim, faço um grande agradecimento à Câmara Municipal de Lisboa, na pessoa do Diretor Técnico da Pista de Atletismo Municipal Prof. Moniz Pereira, o Sr. Júlio Reis, que tão pronta e simpaticamente nos permitiu disfrutar, por breves instantes, destas instalações. A sua disponibilidade para nos facilitar o acesso e acolher neste espaço foi total! Ficamos realmente muito bem impressionados.

 

Deixo também uma palavra de agradecimento aos responsáveis das equipas federadas de atletismo que, não só nos receberam muito bem como nos deixaram co-habitar em total harmonia com os seus atletas em pleno treino.

 

Por fim, foram 11km de treino calcorreados em diferentes tipos de piso, tivemos de tudo um pouco, desde calçada e alcatrão ao tartan e trilho arenoso.

 

Agradeço a presença de todos os participantes, pela sua força e empenho mesmo sob as condições meteorológicas adversas que se fizeram sentir!

 

Mais informações sobre a Pista de Atletismo Municipal aqui.

4.jpg

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Actividade no Strava

Somos Parceiros



Os nossos treinos têm o apoio:



Logo_Vimeiro

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D