Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Correr na Cidade

I Trilhos de Bellas: Marquem na agenda

cartaz-final-trilhosdebellas-final.jpg

Por: Tiago Portugal

 

Marque já na agenda o próximo dia 31 de outubro, data em que se realizará o I Trilhos de Bellas

 

A prova será organizada em conjunto pela "A Associação Desportiva GO!Runners" e a Junta Freguesia Queluz-Belas, na vila de Belas, concelho de Sintra. Os I Trilhos de Bellas prometem ter um percurso variado em trilhos, estradões, caminhos florestais, corta-fogos, single tracks e passagens por ribeiros. Com partida e chegada na localidade de Belas, esta prova visa a promoção e divulgação turística e ambiental da região e da promoção do desporto em meio natural.

 

A prova terá 3 modalidades: 

  • Trail Longo (TL) – Distância K25+;
  • Trail Curto (TC) – Distância K10+;
  • Caminhada (C) – Distância aproximadamente de 7K.

 

A madrinha da prova será a Sofia Roquete, sendo o padrinho o "nosso" Stefan Pequito. 

bannerfacebook-trilhosdebellas1.jpg

Fique a conhecer um pouco mais sobre o I Trilhos de Bellas com uma entrevista feita a Filipe Sousa, um dos organizadores da prova. 

 

Nesta primeira edição que mais-valias pretendem trazer ao Trail nacional?

 

Esperamos que seja uma prova em que o princípio de ser uma prova feita por atletas para atletas seja uma mais-valia. Sabemos que existem grandes provas de Trail com pergaminhos a nível internacional, mas queremos que seja uma referência para o futuro a nível regional e quem sabe a nível nacional.

 

Qual a diferença entre esta prova e a outras que já existem? O fato de ser perto de Lisboa é uma mais-valia?

 

Não podemos comparar provas directamente umas com as outras. Além disso nós aprendemos com outras organizações, quer sejam nas coisas boas como nas más, pois com os erros também aprendemos. Queremos que os Trilhos de Bellas sejam uma prova em que os participantes sejam bem recebidos antes, durante e depois da prova e que se sintam como se estivessem em casa, e que voltem para futuras edições.
Claro que estar perto de Lisboa é sempre um valor enorme (a 15K ). Pois existem poucas provas de trail na zona.

 

Qual a dinâmica que quiseram imprimir a esta prova, e qual a importância para a região onde se insere?

 

Promover a actividade desportiva na região pois temos trilhos espectaculares, que muitas pessoas mesmo de aqui perto não conhecem. A área onde está inserida a nossa prova tem um cariz histórico muito grande que queremos dar a conhecer, com várias quintas de tempos dos reis, palácios e o aqueduto.

 

Quantos participantes esperam receber em Belas, tanto para os 25k como para os 10k e para a caminhada?

 

500 participantes. É o limite que queremos e iremos atingir. Essas vagas são em conjunto para as 3 provas. Mas contamos que a prova dos K25+ seja a mais concorrida. A nossa prova de K10+ é uma excelente prova para que se está a iniciar no Trail e a caminhada uma boa oportunidade de conhecer locais com história da zona.

 

As inscrições já estão abertas? Quais os preços e como me posso inscrever?

 

Sim, já se encontram abertas as inscrições. Colocámos preços que pensamos serem acessíveis, 10€ na prova longa, 8€ para o trail curto e 6€ que se quiser inscrever na caminhada. Basta acederem a www.facebook.com/trilhosdebellas para terem acesso a toda a informação sobre os Trilhos de Bellas. Para um acesso directo às inscrições basta seguir o link: http://www.omdceventos.com/index.php/provas-a-decorrer/trilhos-de-bellas

 

Irão existir almoço após a prova? E Zona de banhos?

 

Não iremos ter almoço, mas iremos ter um abastecimento final com sopa e sólidos. Disponibilizaremos banhos para quem quiser.

11873272_10207472277029709_63905124_o.jpg

 Se tivesse que descrever o percurso o que nos poderia dizer? A nível de altimetria como vai ser? Será um percurso mais técnico ou mais “rolante”?

 

Sendo uma zona de serra com baixa altitude, não iremos ter um altimetria que possamos dizer que será muito duro, pois a categorização da ATRP andará entre o grau 1 e o 2. Teremos algumas partes técnicas, os estradões existentes serão sempre a subir ou a descer, pois apesar da baixa altitude existem muito poucas zonas planas na zona.

 

Qual o ponto mais alto do vosso percurso e existem locais emblemáticos da região por onde os atletas vão passar?

 

O ponto mais alto da zona é o Monte Suímo, a uma altitude de 291m. Os atletas irão passar por moinhos antigos, trilhos de estradas dos tempos dos romanos, zonas do aqueduto que liga a Lisboa (na altura dos romanos - Olisipo), além de quintas seculares e palácios.

 

Que conselhos dão aos participantes, em ambas as distâncias (calçado, tipo de material obrigatório, roupa)?

 

A zona é normalmente ventosa, e em dias de mau tempo muito complicada em termos de nevoeiro, vento e chuva. Não teremos material obrigatório, salvo alguma excepção perto do dia da prova em que a previsão meteorológica o possa exigir, a qual será transmitida antecipadamente aos atletas. Por agora aconselhamos o telemóvel e de copo ou reservatório (não disponibilizamos copos ou garrafas por ser uma zona de natureza e tentamos que haja o menor lixo possível, sendo o que houver limpo durante a prova).

O trail running percebe-se cada vez mais, como uma vertente agregada à corrida, mas como vêem o crescimento de provas de trail? Como explicam a adesão a este tipo de provas por parte dos portugueses?

 

O espirito do trail! A entreajuda tem sido a principal diferença para as provas de estrada. Quem pratica trail e treina nas serras, no mato, na montanha, onde seja possível fora de estrada, o contacto com a natureza e a sua ligação com os atletas é fenomenal. O facto de no trail podermos ter estradões, single tracks, atravessamentos de rios e ribeiros, o piso desde areia, terra batida, pedra ou lama, e de tanto subirmos vários quilómetros como logo a seguir podemos ter descidas brutais e com vistas deslumbrantes isso faz a diferença!
Dizem quem corre na estrada e experimenta o Trail jamais vais querer deixar de correr nos trilhos!

 

Do que estão à espera? Continuem, ou comecem a treinar que nós esperamos por vocês.  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Actividade no Strava

Somos Parceiros



Os nossos treinos têm o apoio:



Logo_Vimeiro

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D