Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Correr na Cidade

Douro Vinhateiro: “muito mais do que uma prova desportiva!”

 

Entrevista por Bo Irik

 

Dizem que é a mais bela corrida do mundo e nós fomos saber porquê. Em entrevista ao diretor da prova, Paulo Costa, ficamos a saber porque esta Meia Maratona é mais do que uma prova desportiva, rodeada de muita beleza. 

 

 

Porque é que a EDP IX Meia Maratona do Douro Vinhateiro é a mais bela corrida do mundo? O que tem de especial?

A EDP IX Meia Maratona do Douro Vinhateiro é muito mais que uma prova desportiva, é uma corrida ao coração da Região Demarcada mais antiga do Planeta, um território considerado como “Reino Maravilhoso” por Miguel Torga, um dos mais ilustres escritores da história da literatura portuguesa, um Douro de beleza incomensurável considerado por tantas e cada vez mais entidades de prestígio global como um destino soberbo, único e inigualável, quer pelo valor da sua riqueza cultura quer pelo valor singular dos seus gigantescos socalcos feitos em xisto e trabalhados exclusivamente pela mão do Homem, num valor tão distinto que levou a UNESCO a patentear o território como Património Mundial da Humanidade como paisagem cultural viva e humanizada. Além das diversas atividades culturais que decorrem ao longo dos dias que antecedem o evento, no Museu do Douro, nas Quintas e noutros lugares, como provas de vinho, showcookings, mostras de artesanato, animação tradicional e com toda a região envolvida na receção aos milhares de visitantes dos cinco continentes,  esta é uma prova que é realizada numa das mais inacreditáveis estradas a nível mundial, EN222, sempre junto ao espelho de água que o Rio Douro oferece e ladeada por gigantescas encostas repletas de verde e suportadas em socalcos (escadarias) construídos à mão. Uma sintonia perfeita entre a natureza e o trabalho do Homem, quer nas encostas, quer na construção das barragens que permitem a navegabilidade do rio e oferecem tão maravilhosos lagos de água doce.

 

O que podem os atletas esperar desta prova? Como é o percurso?

Os atletas podem esperam a melhor edição de sempre, este ano com vários pontos de melhoramento na receção ao atletas, desde logo com a disponibilidade de comboio para o transporte entre a cidade do Peso da Régua e o local de Partida. O percurso é praticamente plano, com um desnível mínimo, e com muita animação ao longo do mesmo, sendo que o melhor é mesmo a paisagem que rodeia os 21kms mais belos do planeta, no coração dos vinhedos que dão origem ao afamado Vinho do Porto. Os abastecimentos estão distribuídos ao longo do percurso em seis pontos distintos, com água Vitalis, bebida energética Dietsport e, para os participantes da Caminhada, existe também um posto de abastecimento com Vinho do Porto Reccua, posto este que atrai não só caminhantes mas também alguns atletas que não resistem a provar o delicioso e generoso Porto. A equipa da GlobalSport, com direção técnica do Prof. João Campos, tudo está a empenhar para que nada falhe nesta edição, pois embora saibamos que não existem eventos sem falhas, tudo estamos a fazer para as colmatar e aperfeiçoar.

 

Esta é a nona edição desta prova. Como tem evoluído e quais as expetativas e novidades deste ano?

Sonhar, criar e desenvolver um projeto desta dimensão numa das Regiões mais pobres da Europa não é tarefa fácil, mas tem sido um desafio fascinante. Apesar da distância que separa o território dos poderes instalados na Capital, com os patrocinadores a optarem raramente por eventos que sejam realizados foram dos grandes centros urbanos, este tem sido um projeto que tem vindo a captar cada vez mais público e parceiros, o que muito nos motiva e empolga.A evolução tem sido a possível, sem qualquer cêntimo de apoio público, mas com participação de parceiros regionais e nacionais muito envolvente tudo tem sido possível, sendo certo que em 2014 se perspetiva a melhor edição de sempre. Transporte de comboio para o local de Partida, Cidade do Peso da Régua totalmente sinalizada com diversas informações sobre o evento, equipas de receção distribuídas pela cidade, programa cultural, informativo e de animação no Museu do Douro com programa muito preenchido nos dias 16 e 17, com especial destaque para a Expo-SAÚDE e para a Conferência Ibérica “CORRER PELA SAÚDE”, com especialistas de Espanha e Portugal, tshirt técnica para todos os participantes da meia e da mini e uma medalha absolutamente marcante. Destaque ainda para a oferta de uma garrafa de vinho a todos os atletas que cortarem a meta e de um lanche bastante completo.


A Rosa Mota é a madrinha da EDP IX Meia Maratona do Douro Vinhateiro. Qual a relação da Rosa com esta prova?

A Rosa é Madrinha e a grande Embaixadora desta prova, uma Amiga muito especial do evento e do Douro que muito nos tem prestigiado e ajudado. Considerada pela AIMS como a melhor maratonista de todos os tempos a nível mundial, Rosa Mota é a mais bela das madrinhas que o Douro poderia ter para transmitir ao mundo que aqui mora: “A mais bela corrida do mundo”.

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Actividade no Strava

Somos Parceiros



Os nossos treinos têm o apoio:



Logo_Vimeiro

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D