Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correr na Cidade

Correr nos Açores - next stop: Santa Maria

11205033_453317974874870_3020102661176768549_n.jpg

Já partilhei convosco que adoro as nossas ilhas. Tanto a ilha da Madeira como os Açores que tive a oportunidade de conhecer o ano passado, são pérolas da natureza na Europa. Foi em Maio de 2015 que visitei os Açores pela primeira vez, no âmbito do Azores Trail Run (site oficial).  

 

Na sua primeira edição, esta prova superou todas as expetativas. Tive um azar durante a prova, pois caí e abri o joelho e as mãos mas não permiti que isso me tirasse o prazer de correr naquele lugar mágico (vejam o meu registo no Strava).

 

Foram 46 km que passaram por três vulcões grandes. Depois da Caldeira principal da ilha do Faial, tivemos direito a um percurso muito técnico e vistas e single tracks de cortar a respiração. Houve um troço lindo ao longo de uma levada, foi mágico, fez lembrar um dos meus trilhos preferidos na Lousã. Nunca me vou esquecer desse lindo troço. Embora me doessem as feridas nos joelhos e nas mãos, nos últimos 6 kms não queria mesmo parar, tinha entrado num transe. Entrei num modo automático, a desejar pelo vulcão dos Capelinhos. Descer do Vulcão até a meta foi de facto lindo. Uma imagem que jamais esquecerei, bem como o abraço dos meus amigos na meta.

 

ScreenHunter_158 Mar. 20 15.47.jpg

Foi uma das melhores provas na minha humilde experiência com provas deste tipo. Vários são os fatores que fizeram do Azores Trail Run um sucesso. Destaco, em primeiro lugar, a paisagem. Fiquei fã do Faial. Tanto pela tecnicidade dos trilhos como pela beleza e variedade da paisagem envolvente, desde vulcões áridos e secos à selva húmida com vegetação incrível. E as vistas… E as vaquinhas…

 

A prova em si foi extremamente bem organizada. O convívio e envolvência de acompanhantes foi muito bom.  Desde uma Tertúlia sobre Trail Running, Turismo, Desporto e Saúde; o “Carbono Zero”, uma iniciativa de plantação de árvores, à Pasta Party muito bem organizada na véspera, à festa de encerramento depois da prova com jantar incluído. Todos os eventos eram de livre acesso aos participantes e respetivos acompanhantes, criando um verdadeiro espírito de convívio para além da prova em si. A aposta internacional também foi um sucesso. Achei muito interessante conhecer pessoas de outros países que partilham a mesma paixão pelos trilhos, trocar experiências, planear desafios internacionais, conhecer novas marcas, etc. Também em termos de sinalização e abastecimentos não tenho nada a apontar. Era impossível perder-nos com tantas fitas e voluntários e nos abastecimentos tinha gente muito simpática e abastecimentos muito completos. Para mim, o cúmulo do Azores Trail Run foi a meta num cenário natural único, com um comentador, abastecimento final, cerveja e peixinho. Ah, e a bela da banhoca nas piscinas naturais do Vulcão dos Capelinhos foi TOP! Estava decidida que iria voltar a correr nos Açores.

 

18489971_hmWIG.jpeg

O Azores Trail Run, na ilha do Faial, será este ano no dia 28 de Maio com quatro provas: 10km, 22km,  48km e uma de 70km, e faz parte do circuito nacional de ultra trail. A prova maior, Trail Ilha Azul – Trail Ultra (70 km) contribui com 2 pontos Mont-Blanc® 2017 e o Faial Costa a Costa – Trail Ultra (48 km) com 1 ponto. Esta última é também pontuável para o Campeonato Nacional de Trail Ultra 2016.

 

Ainda o ano passado, depois da minha aventura no Faial, decorreu, pela mesma organização, o Azores Triangle Adventure, no final de Outubro.  O Triangle Adventure decorre nas ilhas do Pico, S. Jorge e Faial, uma etapa por ilha. Os atletas podem correr individualmente ou em equipa de 3 elementos. Através de amigos, soube que, embora as expectativas fossem muito elevadas, a organização não desiludiu em nada. Mais um evento de sucesso nas nossas ilhas. Na altura não estava fit. Tinha treinado pouco no Verão e estava já com os sintomas da anemia. Por isso, não foi aí que voltei às ilhas.

 

Para quem tem mais curiosidade pela ilha de São Miguel, temos o Ecologic Trail Run. Com uma filosofia ecológica na génese deste trail, este trail pretende proporcionar a todos os participantes uma experiência desportiva, num dos locais mais belos do mundo, os Açores - Ilha São Miguel - Ribeira Grande. A integração do Ecologic Trail Run Azores, no Circuito Nacional de Trail, da ATRP, vem confirmar o potêncial deste evento e bem como o nível de organização apresentado. O grau de dificuldade do trail será um pouco maior, pois haverá mais distância (aprox. 38kms) e mais desnível positivo (aporx. 1650m). Em simultâneo irá decorrer um trail mais curto (aprox. 15kms) e uma caminhada (aprox. 9kms). Esta prove decorre a 19 de Junho.

1900084_820201881399980_6717016000191819930_n.jpg

Foi agora em Janeiro que a organização do Azores Trail Run anunciou o Columbus Trail. Que excelente notícia! O Azores Trail Run – Columbus Trail invoca a passagem de Cristóvão Colombo por Santa Maria, entre 18 e 28 de fevereiro de 1493, conforme ficou registado no diário de bordo do navegador.  A prova tem duas distâncias, uma maratona de 42 km em trilhos e uma ultramaratona de 77 km. Ambas as provas decorrem no sábado dia 27 de Fevereiro na Ilha de Santa Maria.

 

Eu já estou inscrita e ansiosa! Recomendo aos interessados marcarem o alojamento no Hotel Colombo. No ato da reserva todos os participantes terão que utilizar o seguinte codigo promocional de reserva COLUMBUS2016 para usufruírem de um desconto (E-mails directos para as reservas: sandra.rodrigues@colombo-hotel.com ou santamaria@colombo-hotel.com).

 

 

12491779_1660960924169892_6982481700772319248_o.jp

Para as passagens aéreas, todos os inscritos terão 50% de desconto nas viagens pela SATA. As reservas devem ser efectuadas numa loja SATA ou Call Center. Atenção porque as reservas não são válidas através da internet! A SATA responderá num prazo de 72 horas (contacto: carina.franco@sata.pt).

 

Vemo-nos na Ilha de Santa Maria?

Quantos km's tem o Trail de Bucelas?

lDfOqUasUkisRCVGP9R0Mx1Kea_0L-XzYsiIVS1lNSI.jpg

Este ano na sua quarta edição, o Trail de Bucelas tem uma nova distância. Falámos com Maria José Couceiro do Grupo Bucelas Aventura que organiza esta prova de cariz solidário e que já entrou para o calendário nas provas de trail às portas de Lisboa - tanto que os dorsais estão esgotados há mais de duas semanas. Fiquem a saber qual a altimétria e, claro, a distância da prova.

 

Este ano o Trail de Bucelas tem apenas uma distância - para além da caminhada. Porque razão escolheram esta distância? 
Esta distância  (21km) resulta da média das últimas provas e pensamos ser uma distância acessível a todos, além disso e para conseguirmos integrar a caminhada, que nos tem sido solicitada em todas as edições, tivemos que optar por fazer uma prova de trail só com uma distância. A falta de apoios também tem dificultado bastante a organização que como já sabem é 100% voluntária.

 

Em termos de percurso, será muito diferente do feito o ano passado? Há novidades? Como serão as marcações?
Todos os anos tentamos variar para que os repetentes tenham sempre novidades e, também, para mostrar o mais possível a nossa região, embora haja sempre pontos coincidentes com a edição anterior. A grande novidade será a distância unica de 21 km no trail, e também uma caminhada/mini trail de 12 km. As marcações serão feitas com fitas brancas e vermelhas, com placas de mudança de direcção, marcações no pavimento, placas com a indicação de todos os quilómetros tanto para controlo da evolução da prova, para qualquer um saber em que quilometro se encontra, para no caso de algum incidente o socorro ser, assim, mais eficiente. Também existirão nos cruzamentos de estrada, que são pontos mais sensíveis a nível de segurança, forças policiais e elementos do staff para que não haja qualquer tipo de duvidas. Haverá ainda bombeiros distribuídos pelo percurso para todo o tipo de apoio necessário.


Quantos, e a que quilómetros, existiram os abastecimentos? Qual a altimetria da prova?
Existirão três abastecimentos no trail: ao km 7 , km 14 e chegada, todos de líquidos e sólidos.Já a caminhada terá 1 abastecimento ao km 7. Como já vem sendo tradição, teremos o famoso cacau quente para todos antes da partida.A altimetria será de 690 D positivo no trail e de 360 D positivo na caminhada. Temos alguns pontos que são já bastante conhecidos, por exemplo a travessia do rio Trancão e a cascata do Boição. 

Altimetria do Trail

Altimetria 21K.jpg

 Altimetria do Trail

Altimetria Caminhada.jpg

 

Quantos inscritos esperam para o trail e para a caminhada?
Inicialmente tínhamos aberto inscrições para 500 atletas no trail e 200 caminhantes, no entanto já ultrapassámos bastante esse número .Infelizmente e por falta de apoios não conseguimos aceitar mais inscrições.

1654304_10201279368258355_1832476232_n.jpg

5. Como adjetivam este Trail, para aqueles que estão a pensar ir pela primeira vez?

Este é um trail bastante equilibrado em termos de desnível, com muitos single tracks, subidas não muito longas mas explosivas, alguma pedra solta e costuma ter uma convidada, se chover, que é já a nossa coqueluche: a nossa amiga lama, que traz bastante diversão... As razões para a estreia? Têm o esforço e empenho de muita gente para que todos os atletas se sintam sempre acompanhados e muito bem recebidos numa Vila que fica mesmo às portas de Lisboa e de fácil acesso para virem treinar ao longo do ano e é feito de e para amantes deste desporto. A juntar a isto, este é um evento 100% solidário que reverte na integra para uma instituição tão Nobre. Desta vez estamos a angariar dinheiro para equipar a nova ambulância desta corporação. Orgulhamo-nos de não nos lembrarmos dos Bombeiros só quando precisamos e sabemos que com a ajuda de todos estes atletas podemos estar a ajudar a salvar vidas.Por isso, OBRIGADO POR NOS AJUDAREM A AJUDAR e esperamos que se divirtam muito.

10342988_822901937776201_6304925468276854736_n.jpg

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Actividade no Strava

Somos Parceiros



Os nossos treinos têm o apoio:



Logo_Vimeiro

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D